Ex-ministro do trabalho palestra para empresários, na Aciub

Na reunião semanal da diretoria do dia 5 de agosto, a Aciub recebeu o ex-ministro do Trabalho e desembargador aposentado, Caio Luiz de Almeida Vieira de Mello, para um encontro com empresários da entidade e convidados. Caio Luiz falou sobre a MP 881, de 30 de abril de 2019, que visa instituir a Declaração de Direitos de Liberdade Econômica, estabelecer garantias de livre mercado e análise de impacto regulatório, entre outras providências, trazendo uma abordagem ampla, genérica e provocativa, além de fazer uma abordagem da modernização trabalhista atual. Após a apresentação, os participantes puderam fazer perguntas e apresentar seus pontos de vista sobre as pautas apresentadas.

Segundo o presidente da Aciub, Paulo Romes, a entidade apoia ações que simplifiquem as relações de trabalho, reforçando a importância do debate com a presença do ex-ministro. “A intenção deste encontro hoje é debater a MP 881 com representantes de diversos órgãos, como OAB e Ministério do Trabalho, e claro, com a presença de um especialista nas relações de trabalho, o ex-ministro Caio Luiz. A Aciub é a favor de qualquer ação que tenha como objetivo facilitar as relações de trabalho, assim como acontece em países de primeiro mundo, permitindo a criação de um ciclo positivo no mercado. É natural que inicialmente aja alguns questionamentos, pois toda mudança traz dificuldades, mas após as adaptações necessários, veremos que vai valer a pena. Esperamos que a MP seja aprovada para acabar com muitas burocracias existentes que impedem que pequenos e médios empresários contratem mais e gerem mais empregos”, destacou.

Caio Vieira de Mello é formado em Direito pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Em vaga destinada à OAB, foi nomeado em 2001 para o cargo de desembargador do TRT da 3ª Região, onde exerceu a Vice-Presidência judicial no biênio 2008/2009. Aposentou-se em março de 2012. De 10 de julho de 2018 até dezembro do mesmo ano, foi ministro do trabalho no governo Temer.

O desembargador aposentado é filho do ministro Luiz Philippe Vieira de Mello, que integrou o Tribunal Superior do Trabalho de 1985 a 1990, e irmão do ministro Luiz Philippe Vieira de Mello Filho, que integra o TST desde 2006.